*

Planejamento 17.09.2018 — 7:18 am

Geraldo Alckmin, do PSDB, no Esquina na Urna

Geraldo Alckmin, do PSDB

O Esquina segue com o especial #EsquinaNaUrna, para levar aos candidatos à presidência as principais demandas para melhorar as cidades brasileiras. Hoje foi a vez de Geraldo Alckmin, candidato pelo PSDB. A série completa pode ser acompanhada por aqui.

Alckmin diz que o Ministério das Cidades é importante porque cada vez mais o protagonismo vai ser das cidades e dos governos locais, acrescentando que a marca do nosso tempo é a urbanização e que tem se dedicado a pensar em políticas públicas para regiões metropolitanas. Afirma não ser possível resolver a mobilidade com “uma visão transporteira”, e sim com a correta utilização do solo.

O ex-governador citou a PPP para moradia no centro de São Paulo do governo estadual com a oferta de 3.200 apartamentos para baixa renda e que priorizou entre os novos moradores quem já trabalhava na região. Foram 150.000 inscritos, o que, para ele, é sinal de que a população quer morar no centro e o que falta é investir. Alckmin disse ainda que é preciso combinar investimentos públicos e privados e criar habitação com comércio no térreo para gerar renda para os moradores. Como exemplo do potencial dos centros, ele cita a subprefeitura da Sé, que concentra 7% dos moradores e 17% dos empregos, acrescentando que os centros das cidades brasileiras não serão recuperados enquanto as pessoas não morarem neles.

Ele se opõe ao Regime de Contratação Diferenciada e diz que problemas nas obras são resultado da falta de projeto detalhado. Para preservação de patrimônio, propõe convênios e fortalecimento do turismo cultural.

Confira:

Geraldo Alckmin no Esquina na Urna

O Esquina segue com o especial #EsquinaNaUrna para levar aos candidatos à presidência as principais demandas para melhorar as cidades brasileiras. Hoje foi a vez de Geraldo Alckmin, candidato pelo PSDB. A série completa pode ser acompanhada no www.esquina.net.br.Alckmin diz que o Ministério das Cidades é importante porque cada vez mais o protagonismo vai ser das cidades e dos governos locais, e que tem se dedicado a pensar em políticas públicas para regiões metropolitanas. Afirma não ser possível resolver a mobilidade com "uma visão transporteira", e sim com a correta utilização do solo.O ex-governador citou a PPP para moradia no centro de São Paulo do governo estadual com a oferta de 3.200 apartamentos para baixa renda e que priorizou quem já trabalhava na região. Para ele, a população quer morar no centro e o que falta é investir, combinando investimentos públicos e privados e criar habitação com comércio no térreo para gerar renda para os moradores. Ele se opõe ao Regime de Contratação Diferenciada e diz que problemas nas obras são resultado da falta de projeto detalhado. Confira abaixo e saiba mais no link: http://www.esquina.net.br/2018/09/17/geraldo-alckmin-do-psdb-no-esquina-na-urna/

Publicado por Esquina: Conversas sobre cidades em Segunda, 17 de setembro de 2018

 

As perguntas do #EsquinaNaUrna foram selecionadas a partir de questões enviadas pelo público do Esquina e formuladas pela nossa equipe. Neste link você consegue ver boa parte do que recebemos em vídeo e por escrito de pessoas de várias partes do Brasil. Agradecemos imensamente a todos que participaram. Várias questões ficaram de fora por uma limitação de tempo dos candidatos, mas ficam registradas como uma contribuição importante neste momento de reflexão sobre nossas cidades e nosso país.

A iniciativa tem o apoio do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), que no mês passado lançaram uma Carta aos Candidatos.

 

LEIA TAMBÉM:

+ Esquina na Urna: perguntas aos presidenciáveis

+ “Temos de tomar o Ministério das Cidades”, diz Paulo Mendes da Rocha

+ Arquitetos lançam manifesto a candidatos à presidência

 

Tags:, ,

Bitnami